Pages

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

{Livro} Um porto seguro

13 comentários
Bom dia galerinha,

Hoje a minha dica de livro é mais um sucesso do meu escritor favorito: Nicholas Sparks. Vamos conferir?



Quando uma mulher misteriosa chamada Katie aparece repentinamente na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte, questionamentos são levantados sobre seu passado. Linda, mas discreta, Katie parece evitar laços pessoais formais até uma série de eventos levá-la a dois relacionamentos relutantes: um com Alex, o viúvo com um coração maravilhoso e dois filhos pequenos, o outro com sua vizinha muito franca, Jo. Apesar de ser reservada, Katie começa a baixar a guarda lentamente, criando raízes nessa comunidade solícita e tornando-se próxima demais de Alex e de sua família. No entanto, quando Katie começa a se apaixonar, ela se depara com o segredo obscuro que ainda a assombra e a amedronta: o passado que a deixou apavorada e a fez cruzar o país para chegar ao paraíso de Southport. Com o apoio simpático e insistente de Jo, Katie percebe que deve escolher entre uma vida de segurança temporária e outra com recompensas mais arriscadas... E que, no momento mais sombrio, o amor é seu único refúgio.

Minha opinião:

Se for um livro escrito por Nicholas Sparks pra mim já tem 80% de chances de ser MARAVILHOSO. E com Um Porto Seguro não foi diferente, o livro é muito bom. Muito interessante, cheio de ação mas também muito meigo. Sobre os personagens: Kaite é meiga e amorosa porém devido a tudo que passou com o marido Kevin se tornou assustada e muitas vezes meio grossa, mas são poucas as vezes em que ela deixa Erin (nome verdadeiro dela) se sobressair. Alex, viúvo ainda jovem que se dedica ao máximo aos dois filhos: Kristen e Josh,que ainda pequenos perderam a mãe, Carly. Alex é O cara, divide seu tempo entre o trabalho e os filhos, mal tem tempo pra ele mesmo. Gentil, atencioso, um sujeito exemplo. Mas não podemos esquecer de Jo e Kevin...Jo é a mais nova amiga de Katie, alguém que conheceu há pouquíssimo tempo mas que conquistou Katie, apesar de não poder contar sua verdadeira história Katie se sentia confiança na nova amiga, mas muitas vezes eu tinha a impressão que ela também escondia alguma coisa. Já Kevin, desse sujeito eu tive um ódio tão grande, totalmente perturbado, que batia na mulher e ainda achava que tinha razão. Desequilibrado e sem o menor senso de limite, isso define um pouco desse homem horroroso com quem Erin teve o desprazer de se casar. A história como disse é bem movimentada, principalmente nas partes em que Katie lembra de sua vida como Erin, sendo agredida por Kevin, sem piedade. A história de vida dela é muito sofrida, sozinha, os pais a expulsaram de casa após terminar a escola, quando finalmente encontrou alguém que seria o seu par, essa pessoa se revelou um monstro, então teve que fugir, mais uma vez sozinha e traumatizada. Sua vida melhorou bastante depois que se mudou para Southport. Arrumou um emprego, conseguiu seu cantinho. Além de conhecer pessoas legais e muito especiais. Além de Jo, ela se apegou bastante a Kristen e posteriormente a Alex e Josh. Não via a hora dos dois, Katie e Alex, ficarem juntos. Claro que pela sua situação Katie não poderia se entregar a Alex tão rapidamente, mas finalmente ela se sentiu segura e contou toda sua história pra ele. Os passeios deles com os filhos dele são descritos carinhosamente, dá pra sentir o carinho que ela tem com aquela família. Mas aí Kevin finalmente consegue descobrir o paradeiro dela e aí algumas coisas muito ruins acontecem... Muita ação quando o autor narra como aconteceu o encontro dele com Erin/Katie. Não conseguia parar de ler, de tão ansiosa que eu estava. Mas a parte mais emocionante do livro todo é a carta que Carly escreveu para ‘a mulher que o marido dela ama’.  A carta é cheia de sentimento e intensidade, escrita para alguém que ela nem conhecia. Mas o que Katie descobre é que é o ponto alto da história, juro que chorei ao ler a carta de Carly. O que ela descobre é muito lindo e esclarece algumas coisas que até então ela não tinha entendido. Realmente em Alex e seus filhos Katie encontrou um porto seguro.


Todo mundo tem um passado, mas ele se limita a ser apenas passado. 
Você pode aprender com ele, mas não pode mudá-lo.'

Beijinhos,


segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

{Cotidiano} Finde 04 de 2016

7 comentários
Bom diaaaa
Que nossa semana seja cheinha de bençãos!

Meu finde começou praticamente na quinta a noite hehehehe é que teve o reencontro da turma da escola. Finalmente um encontro deu certo, eu não tava muito animada mas foi muito legal, lembramos das zoeiras na sala, dos micos, das confusões... a risada foi garantida! 


♥ Sábado: Tava certo  de levar o gorducho pra cortar o cabelo e de lá visitar minha afilhada, mas Deus abençoou e mandou um super chuva!! 

 Ficamos de boa enquanto chovia ♥  Meu menininho tá crescendo, já come sozinho

A noite a Dinda do Tutu trouxe pizza, assistimos Hércules (2014), conversamos, rimos, foi inesperado mas muito bom!

♥ Domingo: Fomos visitar minha sogra e a vó do marido, fomos todos = nós lá de casa, os cunhados e suas esposas/namoradas e os 3 pequenos. Pense na choradeira, quando um parava o outro começava, Arthur chorou horrores com ciúme de todo mundo hehehehe. Depois fomos almoçar, foi bem legal todos juntos, nunca tínhamos saído assim depois que os babys nasceram. Ainda passamos no shopping pra tomar sorvete.

Eu aguento esse tico de gente lambendo o prato?! hahahaha

Em casa deixei o gorducho com o pai e fui dar um cochilo (antes de sair de manhã já tinha lavado roupa e arrumado a casa), quando acordei, Arthur tava dormindo. Assisti 'Are You the One Brasil' e organizei as coisas pra semana. Arthur acordou, brincou bastante, dei banho, mamadeira e cama! (Eu demorei a dormir pq cochilei a tarde)

Como foi o finde de vocês? Conta pra mim ;)



Beijinhos,

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

{Na Cozinha} Pão caseiro em 3 minutos

8 comentários
Hello pessoal,


Numa das minhas andanças pelos blogs amigos, achei essa receitinha simples no cantinho da Keilla

  • Uma gema de ovo (passada na peneira para tirar aquela pelinha, senão fica com gosto forte)
  • 1 colher da farinha (pode ser de trigo, integral, farelo de aveia, e por ai vai)
  • 1 colher de leite (pode ser integral, desnatado, tbm pode ser iogurte e até água mesmo)
  • 1 colherzinha de fermento em pó 

Com um garfo bata tudo num potinho pequeno e leve ao microondas por 2 minutos ou 2 minutos e meio. Depois é só soltar as beiradinhas com uma faca, por num pratinho, cortar ao meio e rechear como quiser...use a criatividade e o que tiver na geladeira!!!

Obs.1: A primeira tentativa naufragou! Pois é, pasmem, consegui queimar a receita hahahahaha (que vergonha) mas depois de tentar tirar o 'fedô' de queimado, lembrei que coloquei uma colher cheia de farinha. Na segunda tentativa usei uma colher rasa de farinha e TCHARAM, deu certo!

Obs.2: Usei farinha de trigo já com fermento, acho que por isso ele não ficou mais fofinho!

Obs.3: Usei queijo do reino como recheio! Ficou MARA!


Beijinhos,


terça-feira, 19 de janeiro de 2016

{Filme} O Bom Dinossauro

13 comentários
Bom dia crianças,

Hoje venho com uma dica muito linda! Meus sobrinhos estão de férias aqui em Pernambuco (voltam amanhã pra São Paulo) e queriam muito ir ao cinema comigo! Então me organizei e fomos ver  O Bom Dinossauro:


E se o asteroide que mudou para sempre a vida na Terra não tivesse atingido o planeta e os dinossauros nunca tivessem sido extintos? A Disney·Pixar leva você para uma aventura nada jurássica no mundo dos dinossauros onde conheceremos o Apatossauro Arlo, e seu novo amigo Spot, um humano. Juntos eles descobrirão o valor da amizade em uma jornada repleta ação e humor.


Um aviso: levem lenços, porque as lágrimas são garantidas! Esse é mais um desenho para adultos que para crianças, na minha opinião. A história é 'triste' mas nos traz um grande ensinamento 'independente do seu tamanho ou da sua condição (ou a falta dela), você é capaz de grandes feitos!' Há partes muito engraçadas, de chorar de rir, mas o ponto central é muito 'maduro'!! Vale muito a pena assistir, não é uma 'animação' mas é encantador... Saí do cinema me sentindo mais crente de que posso fazer muitas das coisas que considero 'difíceis'. O filme também faz você pensar que não é justo julgar alguém pela aparência e que todos são capazes de enfrentar seus medos, principalmente se quem você ama está em perigo.

Impossível não se emocionar

A relação de Arlo e Spot começa com um acontecimento muito triste. Arlo não consegue perdoar Spot, mas com o desenrolar das coisas eles se tornam amigos e mais pra frente, família! As cenas são emocionantes e muitas bem engraçadas, eles são perfeitos juntos! Eu AMEI o Spot, queria ele pra mim de tão fofo. (Algumas vezes olhava pra ele e lembrava do meu menininho quando tá todo bagunçado e sujo brincando em casa ). 


Trailer:



Me contem, vocês já assistiram? Pra quem já viu, o que achou? 


Beijinhos,



segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

{Cotidiano} Finde 03 de 2016

7 comentários
Olá pessoaaaal,

Que essa semana seja iluminada, repleta de coisas boas!

♥ Sábado: O dia foi tranquilo, não saí mas fiz uma super faxina (leia: ia fazendo conforme Arthur deixava, porque é um chicletinho e não me larga nem pra faxinar hehehehe). A noite ficamos de boa em casa,  assistindo Peppa/AmigãoZão/Doki e tirando selfie!


♥ Domingo: Dia de preguiça! Arthur acordou cedíssimo (pra variar, no finde ele acorda super cedo), arrumei umas coisas e quando o pai acordou, fui dormir um pouquinho hahahaha. Depois que ele almoçou, tirou um super cochilo, assim que acordou, nos arrumamos e fomos dar uma voltinha no shopping (leia: aproveitar promoção de fralda). A noite enquanto o gorducho brincava, vi a estréia de 'Are you the one Brasil' (me julguem kkkkkkkkkkkkk)

Só os meninos 

Como foi o finde de vocês? Conta pra mim ;)



Beijinhos,

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

{Livro} Running Barefoot

13 comentários

Bom dia flores do dia,

Hoje minha resenha é de um livro ENCANTADOR que li em novembro: 


Quando Josie Jensen, uma desajeitada prodígio musical de 13 anos de idade cai de cabeça no novo garoto Samuel Yazzie, um rapaz de 18 anos de idade, Navajo e cheio de raiva e confusão, uma improvável amizade floresce. Josie ensina Samuel sobre palavras, música e amizade, e ao longo do caminho encontra sua alma gêmea. Após a formatura, porem, Samuel abandona a sonolenta cidade pequena, em busca de um futuro e de uma vida, deixando sua jovem mentora para trás. Muitos anos se passam antes de e Samuel voltar a encontrar sua velha amiga, que agora necessita das mesmas coisas que ofereceu a ele anos antes. Seus papéis são invertidos, e Samuel ensina a Josie sobre a vida, o amor e sobre deixar ir. Profundamente romântica e comovente, 'Running Barefoot' é a história de uma menina de cidade pequena e de um menino nativo americano, sobre os laços que nos unem aos nossos lares e famílias, e sobre o amor, que nos dá asas.

Minha opinião:

Pensei muito em como colocaria em palavras o sentimento que tive ao ler esse livro. É um livro leve, ao mesmo tempo bem intenso. Uma história linda de pessoas tão diferentes e tão iguais. (Dá pra captar a intensidade do livro?! hehehe) Uma das coisas que mais me alegrou no livro foram as citações de música clássica, Beethoven, Chopin... juntei leitura e música, de certo isso me fez mais apaixonada pela história. Josie é um amor de menina, tão pequena, tão forte e determinada, ao mesmo tempo tão delicada, você tem vontade de cuidar dela, de fazê-la ter tudo que uma garotinha merece ter. Samuel é um personagem intenso, às vezes rude mas de um coração enorme, de alma linda. Essa é uma história de verdadeiro amor, amor esse tão impossível no início, amor tão simples, puro... talvez a palavra que resumiria esse livro realmente seria: PUREZA! Um livro riquíssimo em música, em lendas, em amizade, em amor! Eu terminei a leitura com um suspiro de satisfação, com um sentimento de calmaria, de paz! A cultura Navajo de Samuel foi uma coisa linda de se ler, cada lenda, cada significado das palavras, tudo citado de maneira tão linda que você poderia visualizar tudo aquilo.

Eu não conhecia a escrita de Amy Harmon, mas fiquei encantada como ela escolheu as palavras, como ela montou essa história tão fantástica. Por isso já li 'Beleza Perdida', e concluí que Amy Harmon é uma escritora totalmente sensível. Amei ambos os livros!

"O amor é paciente, o amor é bondoso.
 Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. 
Não maltrata, não procura seus interesses, 
não se ira facilmente, não guarda rancor. 
O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. 
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta."
1 Coríntios 13:4-7


Beijinhos,




segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

{Cotidiano} Finde 02 de 2016

9 comentários
Hellooooo,
Mais uma semana iniciando, que essa seja de muitas alegrias e muitas vitórias! Vou começar a contar o finde pela sexta tá?!

♥ Sexta: Assim que saí do trabalho fomos buscar o gorducho na creche e partimos pro #Hastagaçaí! Genteeee que maravilha, eu que amo açaí e cupuaçu, então pedi logo um casadinho pra aproveitar as duas delícias!


♥ Sábado: Logo de manhã meu irmão veio nos buscar pra passar o finde em São Joaquim. A família (por parte de pai) se reuniu pra almoçar na casa da minha vó:


Neném, Mamãe e Bisa 
Amorzão da titia 

O dia foi bem agradável, conversamos bastante, rimos relembrando as histórias, foi muito bom! Depois fomos pra casa da sogra do meu irmão (meu irmão tá passando as férias aqui e fica na casa dela). Foi tão bom dormir lá, porque eu, minha cunhada e minha sobrinha fomos dormir bem tarde botando o papo em dia, O Clube da Luluzinha teve papo atéééé...

♥ Domingo: Arthur dormiu quase 11 horas seguidas, coisa inédita! Tomamos café, ajudamos no almoço e ficamos por lá de boa! Depois do almoço o gorducho dormiu de novo, aí perdi de ir ao sítio, mas quando ele acordou fui com minha sobrinha levá-lo pra dar uma volta na praça (a cidade está em festa então a praça tava cheia, com parquinho e música). No fim da tarde eles nos trouxeram em casa!

O dia foi tão tranquilo que esqueci de tirar foto hehehehe

E vocês, que fizeram de bom? Tudo tranquilo? Conta pra mim ;)



Beijinhos,




quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

{Cotidiano} Finde 01 de 2016

8 comentários
Hellooooo,

Sei que tá quase no finde 02 mas ainda dá tempo! Hehehehe Vou tentar fazer o post do finde até a terça no máximo, essa semana será diferente só por causa do post de Ano Novo tá?! Vamos lá?

♥ Sábado: Ainda na preguiça do Réveillon, decidimos ir ao shopping pra dar uma passeada com o gorducho e fazer uma boquinha.


Tem um espaço no shopping que tem vários brinquedos (gratuito) e eles podem brincar, correr. É no espaço de uma loja mas é aberto e tem lugar pra gente sentar enquanto os pequenos se divertem. Quando não tem acordo pra Arthur ficar quieto, corro pra lá e solto ele. (a última foto é ele dormindo, o pai teve a brilhante ideia de deitá-lo na mesa kkkkkkkkkk)

A noite Arthur dormiu relativamente cedo, então resolvi usar a minha assinatura da Netflix (fiz já tem uns 3 meses e assisti no máximo umas 2 vezes). Escolhi um filme levinho pra assistir antes de dormir: 


Molly é uma garçonete solitária que se envolve com Gus, um vendedor de joias. Mas há um obstáculo para o relacionamento: Gus sofre de um problema de perda de memória recente, que o impede de lembrar dela. Entretanto, com criatividade e jogo de cintura, ambos tentarão fazer o amor triunfar.




♥ Domingo: Consegui sair da cama perto de 9h, o que pra mim é um milagre, já que Arthur desperta entre 5h30 e 6h da manhã! Pensamos, pensamos e não decidimos o que fazer durante o dia, então, shopping de novo! Hahahahaha


Quando saímos do elevador fui dar uma olhada na vitrine da livraria e Arthur viu o play do shopping e ficou me chamando pra ir lá! Ficou enlouquecido quando viu a piscina de bolinhas, achei tão lindo que comprei o cartão e fiquei 15 minutos lá com ele! Foi super divertido. Enquanto eu almoçava (ele já tinha amoçado) ficou vendo vídeos no Playkids no meu telefone (olha a concentração na última foto hehehehe)

O restinho do domingo foi pra organizar as coisas da semana e ver muita Peppa, Luna e Doki com o gorducho da mamãe!




Beijinhos,



segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Ano Novo, Projetos Novos

5 comentários
Boa tarde,

Primeiramente FELIZ ANO NOVO pessoaaaaal!




Que 2016 seja um ano maravilhoso, repleto de coisas boas. Que nossos projetos se concretizem, que haja mais amor ao próximo, mais humanidade... eu tenho alguns projetos, algumas metas a alcançar esse ano e espero de todo meu coração que eu consiga hahahahahaha

- Comecei hoje o projeto #75: é nada mais nada menos que voltar a pesar 75kgs! Consegui no pós-parto chegar aos 70, maaaas vergonhosamente estou batendo na casa dos 87kgs, então esse ano eu PRECISO voltar e permanecer com o peso de 75kgs. Pela estética sim, mas principalmente pela minha saúde!!


- Apesar de sempre planejar e prometer que não vou gastar mais do que ganho, eu sempre fracasso. Mas nesse ano finalmente receberei as chaves do apê que comprei em 2013. Então é fechar a mão e economizar o máximo possível para os gastos que virão sendo proprietária de um imóvel.


- Eu admiro demais as mulheres que sabem pilotar moto ou dirigir carro. De verdade, se eu vejo uma mulher por aí de moto/carro, ela já tem a minha admiração hehehehe parece louco né?! Mas eu acho isso de um independência absurda e EU VOU aprender a pilotar moto (de início). Poxa vida, temos moto mas eu dependo do meu marido, e quando ele bate o pé e diz que não vai, é não e pronto. Ou vou a pé ou não vou e isso me irrita profundamente. Temos a meta de ano que vem comprar o carro, por conta do Arthur, mas por enquanto 'vou de moto'.


E vocês, que planejam nesse ano? Economizar, viajar, emagrecer, casar, ter filho, mudar de emprego? Me conta vaaaaaaaaaai  



Beijinhos,