Pages

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Jurassic World

5 comentários
Oi gente, tudo bem?

Volto hoje com mais uma dica de cinema! Apesar de não ter muito tempo, tô organizando 'minha agenda' pra poder ter um tempinho pra coisas que eu gosto tanto, como ler, assistir a filmes e séries. E minha dica de hoje é: Jurassic World!


22 anos após os acontecimentos de Jurassic Park, na Ilha Nublar, foi inaugurado um novo parque de dinossauros, realizando o sonho de John Hammond (Richard Attenborough). O parque é intitulado de "Jurassic World" e é administrado pela Masrani Global, empresa do bilionário Simon Masrani (Irrfan Khan) que comprou a InGen após os dois Incidentes na Nublar e em San Diego. O novo parque, depois de 10 anos funcionando, alcança a marca de 10 milhões de visitantes. Entretanto, com o passar do tempo, o público se cansa dos mesmos dinossauros. E é aí que a equipe de geneticistas liderada pelo Dr. Henry Wu (B.D. Wong) resolve criar uma nova atração, algo que trouxesse de volta o interesse do público. A nova atração é um dinossauro híbrido que mistura os DNAs do Carnotauro, do Majungassauro, do Rugops e do Giganotossauro. É o Indominus Rex.


Jurassic Park foi minha estréia no cinema! Com 06 anos fui ao cinema pela primeira vez com meus primos e o filme era legendado...imaginem como eu 'entendi' o filme Hahahaha Quando soube que teria um 'novo' Jurassic fiquei em êxtase, louca pra assistir. Aproveitei a véspera do São João (aqui dia 24 é feriado) e fui ao cinema com o maridão! Confesso que assim que começou o filme achei que não ia ser muito legal, não?! Torcia intimamente para minhas expectativas não terem ido por água abaixo...e não foram! O filme te prende, faz você querer saber o que vem pela frente. O elenco é muito bom, tá super afinado...os protagonistas te fazem adorá-los e uns e outros, odiá-los. 


Owen é o 'mocinho' que além de arrancar suspiros femininos, é um personagem muito importante. Sua relação com os Raptors é muito 'fofa', eles são como filhos pequenos pra ele. Falando neles...eu não sei as outras pessoas, mas eu os considerei mascotes hehehe pra mim eram quase como cachorrinhos kkkkkkkk (aloka dos Dinossauros). Eu adorei a interação deles com o Owen. Outra personagem destaque é Claire, ela no começo é muito da nojentinha viu?! Fiquei com raiva dela em muitas cenas, mas depois ela me conquistou! De 'quase vilã' a mocinha do filme! E os sobrinhos da Claire, Zach e Gray?! Esses moleques fizeram a gente ficar de olhos arregalados na expectativa do desenrolar das cenas...ai que medo, que susto !!!


Trailer:



Beijinhos,





quarta-feira, 3 de junho de 2015

Simplesmente Acontece - Filme

6 comentários
Olá pessoal,

Tenho ficado bem ausente do blog, né?! Junta todos os afazeres domésticos + trabalhar fora + um bebê de 9 meses + marido + tempo pra mim + organizar a festa de 01 ano do meu gorducho =  tempo cronometrado pra tudo

Mas vamos lá, o post de hoje é sobre o filme que assisti ontem: Simplesmente Acontece!  


Os jovens britânicos Rosie (Lily Collins) e Alex (Sam Claflin) são amigos inseparáveis desde a infância, experimentando juntos as dificuldades amorosas, familiares e escolares. Embora exista uma atração entre eles, os dois mantêm a amizade acima de tudo. Um dia, Alex decide aceitar um convite para estudar medicina em Harvard, nos Estados Unidos. A distância entre eles faz com que nasçam os primeiros segredos, enquanto cada um encontra outros namorados e namoradas. Mas o destino continua atraindo Rosie e Alex um ao outro.



Não li o livro escrito por Cecelia Ahern mas li resenhas a respeito e por isso me interessei no filme. Li que a adaptação não tá muiiiito fiel, mas como chama-se ADAPTAÇÃO o risco que se corre é esse, de fugir um pouco do que realmente tá escrito no livro. Mas como não li (ainda) não posso fazer a comparação! O filme é divertido, triste, romântico...isso mesmo, tudo junto e misturado hehehehe
Muitas e muitas vezes você tem vontade de matar o Alex e também a Rosie! Como podem ser tão cegos e atrapalhados e 'medrosos'? A história ' se estende' por longos 12 anos mas muita coisa acontece nesse meio tempo. Filhos, casamentos, desencontros, brigas, mas também muita amizade, muito amor, muito carinho! A história dos dois é muito linda, você torce por eles o filme INTEIRO! Parece um filme como muitos outros, totalmente clichê, mas o que seria da vida sem os clichês diários?! Me emocionei em muitas partes, mas também ri horrores. Cenas tãoooo constrangedoras que você morre de rir, coitada da Rosie. Na maioria do tempo o Alex é um amor, tenho até pena dele em muitas cenas mas em outras tenho vontade de esganar ele (meio amor e ódio com os personagens né?!)


Você com certeza vai nutrir um carinho muito grande por outros personagens, por exemplo o pai da Rosie, ele é muito querido, se não fosse por ele provavelmente a Rosie não acreditaria muito nos seus próprios sonhos! Mas sua mãe também tem um papel muito importante, principalmente não aceitação da Rosie com a Katie! Katie é a filha da Rosie, que com o passar do tempo começa a 'repetir' a história de amizade e amor da mãe, ela é muito fofa! Outro destaque é Ruby, o que seria da Rosie sem essa amiga louca de cabelo colorido? A amizade delas é muito engraçada e gostosa de ver! Mas vamos falar do safado da história? Greg, resumindo, merece uma surra! Apesar de ter sido legal com a Katie  e também com a Rosie por um longo tempo!


...

Só o que me incomodou no filme foi a transformação da Rosie, fisicamente falando, só mudou o corte de cabelo e as roupas! Não consigo enxergar a Lily com 30 anos! Pra mim não dá também as sobrancelhas dela, hahahahaha são escuras demais e grossas demais kkkkkkkkkkk fora isso, tudo ótimo!



Trailer:





Beijinhos,