Pages

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Como eu era antes de você

6 comentários
Hello friends,

A dica de hoje é de um livro muito interessante e lindo que li segunda-feira:
'Como eu era antes de você'.




Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.


Minha opinião:
  
Pelo título do livro já imaginava que seria um livro emocionante, mas confesso, foi bem mais do que eu esperava. Não tive como conter as lágrimas, sou sentimental e chorona mesmo, então se um livro por si só já é emocionante, imaginem o que ele faz comigo? Já imaginou se a pessoa que você ama decidisse não mais viver? Como o livro é contado em 1ª pessoa, por Lou, é como se estivéssemos bem ali, pertinho de todos os acontecimentos. Impossível não se envolver, impossível não torcer pelo final feliz! O livro retrata uma linda história de amor entre Will e Lou, engana-se quem pensa que é mais uma histórinha de amor clichê. A história começa com os dois praticamente se odiando, Lou odiando trabalhar cuidando de alguém que odeia tudo e todos. Dá pra entender o porquê de Will ser como é... mas pela família, ela, Lou, não desiste do emprego, afinal pagam bem e a família precisa de dinheiro. Aos poucos a atmosfera muda entre eles e começa uma linda amizade, sem perder as ironias e as briguinhas. Depois de certo tempo um não consegue ficar sem o outro, mesmo que eles mesmos não admitam ou não percebam. Me peguei rindo com as encrencas deles, das piadas, do humor negro de Will. Me emocionei a cada passeio, a cada conversa, a cada demonstração de carinho entre eles. Como não se imaginar no jantar de aniversário de Lou? Will dando a ela algo tão simples mas tão significativo? Como não se emocionar com todas as tentativas de Lou em fazer Will desistir da ideia de não continuar a viver? E o entrosamento dos dois no casamento da ex de Will? Como não esperar pra que finalmente eles dissessem o que sentiam um pelo outro? Muito emocionante a maneira como ela cuidava dele, mesmo quanto ele não estava doente. Apesar do final ser diferente do que a maioria de nós queríamos, foi menos triste olhado do ponto de vista de Will. Afinal somente ele sabia as dores por que tinha passado todo esse tempo depois do acidente, só ele sabia o quanto era difícil viver sem perspectiva. Só mesmo ele poderia decidir morrer no melhor momento de sua vida. Morrer sabendo que era amado, mesmo numa cadeira de rodas, tetraplégico. Saber que mesmo com todas as limitações e com o comportamento ruim nos primeiros dias com Lou, ela o amou verdadeiramente e provou com gestos, que pra ela ele era apenas um homem, não um inválido. Como duas pessoas tão diferentes, de mundos tão diferentes poderiam imaginar que o amor os atingiria? Mesmo Lou tendo um relacionamento de 07 anos com Patrick, ela jamais sentiu o que sentia por Will. E quando finalmente ela se separou de Patrick, acho que todos nós leitores demos um: 'Já não era sem tempo'! Depois que se conheceram a vida deles não foi mais a mesma, tudo mudou. Will mostrou pra Lou o quanto ela era capaz, o quanto ela poderia conquistar se realmente quisesse e Lou mostrou pra Will que a vida poderia ser melhor, pelo menos na maioria do tempo. A lição que tirei desse livro é que: Todo mundo sempre entra na nossa vida por uma razão, nada acontece por acaso. Tudo acontece porque tem que acontecer! Assim foi a linda, e feliz, e triste história de amor de Will Traynor e Louisa Clarke. Deu pra perceber o quanto esse livro é especial? Não consegui desgrudar os olhos dele, li em apenas 8h!

Beijinhos,
 


quinta-feira, 27 de junho de 2013

BC Musical

7 comentários
Quinta-feira é dia de BC Musical nMoça de Família e o tema dessa semana é:
Vasculhei bastante minha memória e o primeiro show de que lembro ter ido foi: Jota Quest. Provavelmente antes desse show eu deva ter ido a algum show mas no momento não recordo! Escolhi as minhas preferidas deles:


O que eu também não entendo:


  Único olhar:



O vento:


Essa última 'O vento' é a que eu mais gosto!




 Pra ver mais BC Musical é só visitar o site da Dani



Beijinhos,
 

terça-feira, 25 de junho de 2013

Final de semana

8 comentários
Boa tarde peoples,


Não apareci ontem por aqui porque ainda estava aproveitando o feriadão de São João, aqui em Pernambuco acho que todas as cidades consideram o dia 24/06 feriado. Meu feriadão foi bem misto, teve bagunça, festa, comilança, forró e muita leitura.

Sábado fiquei em casa, me joguei na leitura, comecei a ler Toda Sua e assim que terminei no domingo já comecei a sequência, Profundamente Sua.

Domingo (no intervalo da leitura) fomos almoçar maridão e eu na casa da tia dele, família reunida, comida, forró e muita bagunça. Em casa me agarrei mais um pouco na leitura e depois fui me arrumar porque tinha mais festa!


Teve arraiá na casa da minha tia, ai gente, vestiram a Giovanna de matuta (caipira), uma gostosura só. Ficamos lá até altas horas da madrugada.


Ontem feriado, arrumei a casa, saí pra almoçar com maridão e continuei a leitura, li também Como eu era antes de você
Ao total li 3 livros nesses 3 dias.

 
 

Tem resenha deles nos próximos dias!


E vocês, que me contam?

Beijinhos,
 


sexta-feira, 21 de junho de 2013

Garota Exemplar

5 comentários
Bom diaaaaaa 

Hoje vou falar sobre mais um livro.
O livro da vez é: Garota Exemplar




Na manhã de seu quinto aniversário de casamento, Amy, a linda e inteligente esposa de Nick Dunne, desaparece de sua casa às margens do Rio Mississippi. Aparentemente trata-se de um crime violento, e passagens do diário de Amy revelam uma garota perfeccionista que seria capaz de levar qualquer um ao limite. Pressionado pela polícia e pela opinião pública – e também pelos ferozmente amorosos pais de Amy –, Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamentos inapropriados. Sim, ele parece estranhamente evasivo, e sem dúvida amargo, mas seria um assassino? Com sua irmã gêmea Margo a seu lado, Nick afirma inocência. O problema é: se não foi Nick, onde está Amy? E por que todas as pistas apontam para ele?

Minha opinião:

Sinceramente não sei como começar a dar minha opinião...Ainda tô chocada com o final do livro! Pelo lado 'malígno', esse livro é genial, com toda uma trama de suspense, armações e contradições. Talvez eu seja a favor de 'E eles viveram felizes para sempre...' Mas dessa vez eu esperava vingança, uma trama maior que a trama, um desfecho cruel pra Amy...No começo, tenho pena do esposo Nick, depois sinto raiva deles, aí a verdadeira Amy aparece e sinto um ódio extremo por ela...eis que a história parece que finalmente vai acontecer e...NADA acontece. Não gosto de contar o final do livro, pra deixar quem lê meu blog no direito de descobrir, mas dessa vez eu PRECISO compartilhar o final com vocês! No final de tudo Amy, é culpada, o marido é um babaca e mesmo depois de tudo que aconteceu ela não foi punida e eles acabaram juntos, não felizes, mas juntos! Vocês têm noção disso? A mulher, manipula, mente, incrimina inocentes, não gosta dos pais, nem do marido e NEM DELA MESMA, mata e no final de tudo ela acorda grávida (mais uma armação) ao lado do marido que um dia ela quis que fosse culpado pela sua morte! Me desculpem os que leram e acharam fantástico, mas eu, Fernanda, não gostei. Não é um livro que eu indique, mas quem quiser ler, fique a vontade!



Beijinhos,




quinta-feira, 20 de junho de 2013

BC Musical

7 comentários
Bom dia,

Por conta de tudo que vem acontecendo no nosso país esses dias, o tema da BC Musical do Moça de Família dessa semana é:



Minha escolha é:



Que país é esse? - Legião Urbana




'Nas favelas, no senado
Sujeira pra todo lado
Ninguém respeita a constituição
Mas todos acreditam no futuro da nação

Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?'




Pra ver mais BC Musical é só visitar o site da Dani


Beijinhos,
 

quarta-feira, 19 de junho de 2013

João Guilherme

5 comentários
Dia desses fui passar o final de semana na casa das minha tias em outra cidade, matei a saudade delas é claro, mas a saudade tava muitoooo grande do meu pequeno, meu priminho João Guilherme, meu Gui!

Passei o sábado e o domingo grudada nele, um amorzinho!


Olha como eu sou comprido ^^



 

  
Enquanto não tenho meus próprios filhos vou paparicando os filhos dos outros! Hahahahahaa

Beijinhos,



segunda-feira, 17 de junho de 2013

Final de semana

20 comentários
Bom dia crianças,

Meu finds foi tranquilo, apesar de ter festa na cidade o mês inteiro eu tô sossegada, temos algumas coisinhas marcadas, mas daqui pra lá vamos ver o que acontece. Meu finds se resumiu a: 
Casa, cama, edredon, marido, livro, filmes e uma rápida saídinha!
Foto retirada do Google
Sábado foi dia de faxina geral, na casa e em mim
Depois passei o resto do dia lendo, o livro da vez é:
Quando acabar de ler posto minha opinião

Domingo, dia preguiçoso, ainda mais com esse tempo frio e chuvoso!
A família do maridão resolveu sair e almoçar na feira, então fomos também! Voltamos, deu um toró que não foi desse mundo...deitei um pouquinho e acordei na hora de Espanha x Uruguai! 
Depois vimos filmes e CABÔ o finds!!Hehehehe
...

Filmes do final de semana:

 
Um grupo de amigos se reúne dez anos após a formatura e percebe que, em alguns aspectos, o tempo não passou. Jake (Channing Tatum) está prestes a ficar noivo, mas balança ao reencontrar a antiga namorada, Mary (Rosario Dawson). O valentão Cully (Chris Pratt) pretendia pedir desculpas àqueles que sofreram com suas "brincadeiras", mas perde a linha após beber além da conta. Marty (Justin Long) e A.J. (Max Minghella) continuam tentando impressionar Anna (Lynn Collins), enquanto Reeves (Oscar Isaac), agora um astro do rock, ainda não encontra coragem para falar com Elise (Kate Mara).



 

Brasília, 1973. Renato (Thiago Mendonça) acabou de se mudar com a família para a cidade, vindo do Rio de Janeiro. Na época ele sofria de uma doença óssea rara, a epifisiólise, que o deixou numa cadeira de rodas após passar por uma cirurgia. Obrigado a permanecer em casa, aos poucos ele passou a se interessar por música. Fã do punk rock, Renato começa a se envolver com o cenário musical de Brasília após melhorar dos problemas de saúde. É quando ajuda a fundar a banda Aborto Elétrico e, posteriormente, a Legião Urbana.


...


Recebi uma notícia muito boa, quarta-feira tem jogo do Brasil então fomos liberados do trabalho pra poder assistir \õ/

E vocês, que fizeram no final de semana?


Beijinhos, 

sexta-feira, 14 de junho de 2013

O lado bom da vida - Filme

10 comentários
Hello peopleees

Hoje vim falar do filme O lado bom da vida!
Já falei aqui sobre o livro.


Por conta de algumas atitudes erradas que deixaram as pessoas de seu trabalho assustadas, Pat Solitano Jr. (Bradley Cooper) perdeu quase tudo na vida: sua casa, o emprego e o casamento. Depois de passar um tempo internado em um sanatório, ele acaba saindo de lá para voltar a morar com os pais. Decidido a reconstruir sua vida, ele acredita ser possível passar por cima de todos os problemas do passado recente e até reconquistar a ex-esposa. Embora seu temperamento ainda inspire cuidados, um casal amigo o convida para jantar e nesta noite ele conhece Tiffany (Jennifer Lawrence), uma mulher também problemática que poderá provocar mudanças significativas em seus planos futuros.

Minha opinião:

Como sempre falo, na maioria das vezes eu prefiro o livro ao filme, mas com relação a 'O lado bom da vida' foi diferente, na verdade foi um misto de sensações, às vezes preferia o livro, outras preferia o filme. Em muitas partes o filme parece corrido demais, como se tivesse 'comido' informações mas o final do filme é bem melhor que o final do livro. O livro em muitas partes é meio sofrido e no filme não tive essa impressão. Como filme é adaptação então muita coisa é modificada, mas nesse filme não influenciou tanto assim. Adorei que Pat e seu pai no filme se dão melhor que no livro, que a história do Pat com a Nick foi bem resolvida e que a Tiffany parece mais ativa na vida do Pat no filme! No começo pensei: Ixeee, acho que não vou gostar tanto assim do filme.  BUT não foi nada disso, gostei e gostei muito. Vale a pena ver SIM!


Trailer:


Beijinhos,

 

quinta-feira, 13 de junho de 2013

BC Musical

14 comentários
E o tema da BC Musical do Moça de Família dessa semana é:
Own que tema fofinho
  
As minhas escolhas dessa semana são:

Songbird - Eva Cassidy:


Conheci essa música ao baixar a trilha sonora do livro 'Cinquenta Tons Mais Escuros' da trilogia 'Cinquenta Tons'. Quem me conhece sabe que eu AMO, tanto os livros quanto a trilha sonora da trilogia. Essa música é uma das que gosto de ouvir quando quero ficar quietinha, só curtindo a música. A letra é linda e a melodia também, além de que a Eva tinha uma voz belíssima! Vale a pena parar uns minutinhos pra ouvir!


All you need is love - Beatles


Essa dispensa comentários né?! Super conhecida, provavelmente todo mundo já escutou! Eu adoro!




Pra ver mais BC Musical é só visitar o site da Dani


Beijinhos,



quarta-feira, 12 de junho de 2013

Dia dos Namorados ♥

5 comentários
Hoje é um dia especial para os apaixonados!
Dia de declarações, presentes e muito dengo!

Facebook Cupons Mágicos

Hoje meu post é especialmente para meu maridão. Que não é muito romântico e nem 'meiguinho', mas que é quem eu escolhi pra passar o resto dos meu dias! Quem eu quero do meu lado, quem será o pai dos meus filhos, avô dos meus netos!

'Gordo, 
apesar de todas as briguinhas, as implicâncias EU TE AMO muito!
Você se tornou alguém muito especial pra mim logo no comecinho de tudo, com pouco tempo eu já sabia que seria você o meu par. Sabia que seria com você que eu viveria minha vida. Sabia que você era aquele que Papai do Céu tinha escolhido pra mim! Ainda temos muito o que viver juntos...muitos planos, muitos sonhos!  Ter nossa casa, nossos filhos, fazer viagens e envelhecer juntos! Eu implico com seu jeito ‘sossegado de ser, você implica com o meu jeito ‘imediatista de ser!A gente briga, se stressa, fica de mal, mas depois tudo isso passa! Passa porque a gente se ama e esse amor vem crescendo a cada dia!'

Nossos momentos:





















Um excelente dia a todas nós!

Beijinhos,