Pages

sábado, 3 de novembro de 2012

Síndrome do ovário policístico

Hello


Lembram que falei aqui que tava com uns probleminhas de saúde?
Então, o que estava me tirando o sono não era a síndrome do ovário policístico em si, mas uma disfunsão dos hormônios que causaram uma 'leve' hemorragia.
Fui  a médica hoje, ela me passou o remédio e hoje mesmo vou começar a tomar. 
Semana que vem vou começar a fazer os exames para recomeçar meu tratamento.

texto é grande mas vale a pena ler


A síndrome de ovário policístico (SOP) é uma doença na qual há um desequilíbrio nos hormônios sexuais femininos. Esse desequilíbrio hormonal pode causar alterações no ciclo menstrual, alterações na pele, pequenos cistos nos ovários, dificuldade para engravidar e outros problemas.
Os hormônios sexuais femininos incluem estrogênio e progesterona, assim como hormônios chamados andrógenos. Os andrógenos, frequentemente chamados "hormônios masculinos", também estão presentes em mulheres, mas em quantidades diferentes.
Os hormônios ajudam a regular o desenvolvimento normal de óvulos nos ovários durante cada ciclo menstrual. A síndrome de ovário policístico está relacionada a um desequilíbrio nesses hormônios sexuais femininos. Um excesso de hormônio andrógeno é produzido, junto com alterações em outros níveis hormonais.
Não está completamente claro por que ou como ocorrem as alterações nos níveis hormonais.
Os folículos são bolsas dentro dos ovários que contêm óvulos. Normalmente, um ou mais óvulos são liberados durante cada ciclo menstrual. Isso é chamado de ovulação. Na síndrome de ovário policístico, os óvulos nesses folículos não amadurecem nem são liberados dos ovários. Em vez disso, eles podem formar cistos muito pequenos no ovário. 
Peso, índice de massa corporal (IMC) e circunferência abdominal são úteis na determinação dos fatores de risco. 

Níveis de hormônios diferentes que podem ser examinados incluem:
  • Níveis de estrogênio
  • Níveis de hormônio folículo estimulante (FSH)
  • Níveis de hormônio luteinizante (LH)
  • Níveis de hormônio masculino (testosterona)
  • 17-cetosteroides
Outros exames de sangue que podem ser realizados incluem:
  • Glicose em jejum e outros exames de intolerância à glicose e resistência à insulina
  • Níveis de lipídios
  • Teste de gravidez (HCG)
  • Níveis de prolactina
  • Testes de funcionamento da tireoide
Outros testes possíveis:
  • Ecografia vaginal para observação dos ovários
  • Laparoscopia pélvica para observação mais detalhada e possivelmente biópsia dos ovário

Sintomas de Síndrome do ovário policístico

Alterações no ciclo menstrual:

  • Falhas na menstruação, geralmente com um histórico de se ter um ou mais períodos menstruais normais durante a puberdade (amenorreia secundária)
  • Períodos menstruais irregulares que podem ser mais ou menos frequentes, variando de muito leves a muito intensos

Tratamento de Síndrome do ovário policístico

Foi demonstrado que perder peso (o que pode ser difícil) ajuda com a diabetes, a pressão arterial alta e o colesterol alto. Mesmo uma perda de peso de 5% do peso corporal total mostrou ajudar com o desequilíbrio hormonal e também a infertilidade.
Medicamentos usados para tratar dos hormônios e ciclos menstruais anormais decorrentes da síndrome de ovário policístico incluem:
  • Pílulas anticoncepcionais ou comprimidos de progesterona, para ajudar os ciclos menstruais a se tornarem mais regulares
  • Metformina, um medicamento que aumenta a sensibilidade do corpo à insulina, pode melhorar os sintomas da síndrome de ovário policístico e às vezes fará com que os ciclos menstruais sejam normalizados. Para algumas mulheres, ele também pode ajudar com a perda de peso.
  • Análogos do hormônio liberador do hormônio luteinizante (LHRH)

Expectativas

Mulheres que têm esta doença podem engravidar com tratamentos cirúrgicos ou médicos corretos. As gestações são geralmente normais.


- Bom, é isso pessoal, espero que essas informações possam ajudar a muitas mulheres.




Desejo a todos um ótimo final de semana!!! 





Fernanda

 

14 comentários:

  1. Olá querida! Eu tenho ovário policístico!

    Desde adolescente, faço tratamento usando anticoncepcional.

    Gostei muito da matéria!

    Tenha um ótimo final de sábado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cíntia, eu n posso usar anticoncepcional, só Metformina pq tenho as taxas altas, principalmente a glicose!

      Ótimo restinho de feriadão!

      Excluir
  2. NOSSA NANDITA...SERÁ QUE EU TENHO ISSO POR ISSO NÃO CONSIGO ENGRAVIDAR...QUERO EMAGRECER MAIS E FAZER UNS EXAMES PRA SABER SE TENHO OU NÃO!!!GOSTEI MUITO DE SABER SOBRE ISSO, MINHA IRMÃ TEM E PODE SER QUE EU TBÉM TENHA!!BJUSSS LINDA E UM BOM DOMINGO PRA VC
    TÁ LINDA NA FOTINHO COMO SEMPRE
    KD OS DOGUITOS FOFOS???PEPE MANDA LAMBIDAS*_*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aninhaaaa
      Pra saber se vc tem ou n precisa fazer uma ultrasson endovaginal, se vc tiver é nela que acusa!
      Daí depois é voltar ao ginecologista pra fazer o acompanhamento... e qt mais gordinha pior é!
      é cm se os policístos entendessem que por ter mais espaço eles podem se multiplicar, aí é necessário a medicação!

      Marque uma consulta com o gineco e diga q tem caso na família e que vc tem dúvidas.

      Dos 7 dogs q nasceram só restaram 2, os outros foram vendidos! Agora são em 4 os amiguinhos do Pepe!

      Bjooooos

      Excluir
  3. Uma das razões que me motivaram a começar uma mudança de vida e perder peso foi a SOP, morro de medo de ter e o sobrepeso contribui para seu aparecimento. Ótimo post amiga, muito informativo. Beijos =*

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho desde adolescente, só q n cuidei da questão do peso...e isso hj me atrapalha mt!!

    Bom domingo!

    Bjooos

    ResponderExcluir
  5. oii fer!ai q bom q agora tudo será resolvido, jurou pra vc que vc estava achando q estava grávida rsrs mas fiquei sem graça de perguntar!
    agora te cuida1
    biejinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Heheehehehehehe
      Msm n qrendo agora, se tivesse grávida ia gritar aos quatro ventos, pq filho é bênção e bênção a gente n esconde, a gente conta!

      =D

      N se preocupe um dia darei a notícia aqui e no fotolog!
      Hehehehehehehe

      Boa noite!

      Excluir
  6. que bom q. tá tdo certo se cuida amada,peguntei no face pq n tinha visto esse post aki só vi o anterior bju

    ResponderExcluir
  7. Passando pra te desejar uma linda e abençoada semaninha :)

    Se cuida linda...bjinhoss

    ResponderExcluir
  8. Post informativo, Fernanda, adorei.
    Boa sorte aí com seu tratamento, saúde;)
    Beijos e bom dia!

    ResponderExcluir
  9. Fernanda,
    que bom que você já sabe a causa e já está se tratando!

    Abraços,
    Carol
    www.umblogsimples.com

    ResponderExcluir

Obrigada por passar no meu cantinho! Volte sempre!